Você está aqui: Página Inicial > Outras Notícias > 2012 > Dezembro > Desembargadora federal Neuza Alves é agraciada com a Ordem do Mérito Cívico

Desembargadora federal Neuza Alves é agraciada com a Ordem do Mérito Cívico

publicado 13/12/2012 16h15, última modificação 11/06/2015 17h10

Em solenidade bastante prestigiada, a desembargadora federal do TRF da 1.ª Região, Neuza Alves, foi condecorada nesta quarta-feira, 12 de dezembro, com a Ordem do Mérito Cívico, no grau Oficial. A solenidade de imposição da medalha, concedida pela Liga da Defesa Nacional, ocorreu no Salão Itamarati do Hotel de Trânsito de Oficiais do Exército, em Brasília.
Após a entrega da comenda, a desembargadora Neuza Alves falou de sua honra em receber a homenagem. “Me sinto muito honrada por, em somente 8 anos de Brasília, já ter o meu trabalho visto, reconhecido e aplaudido e por ter merecido essa comenda que vou guardar com muita alegria e respeito. Continuarei cumprindo minha missão de divulgar a Liga da Defesa Nacional e de atrair mais e mais pessoas para a prática das boas ações, e fazer valer o mérito cívico que estou recebendo nesta ocasião”, afirmou a magistrada.
A Ordem do Mérito Cívico foi criada pela Liga da Defesa Nacional em 1965, ano de comemoração do primeiro centenário de nascimento do fundador da instituição, o poeta-cidadão Olavo Bilac. A comenda destina-se a homenagear brasileiros que se distinguem na prestação de bons e relevantes serviços à Pátria e/ou no apoio às atividades da Liga.

Liga da Defesa Nacional – Fundada em 7 de setembro de 1916, a instituição tem como finalidade única a difusão  de valores cívicos, morais e patrióticos, sem qualquer envolvimento como atividades políticas, credos religiosos ou filosóficos. Atualmente é presidida pelo ministro aposentado do Tribunal de Contas da União, Lincoln Magalhães da Rocha.
Além da desembargadora Neuza Alves e de autoridades militares e civis, também foi agraciado com a medalha o ministro aposentado do Supremo Tribunal Federal, Ayres Britto.

Fonte: Assessoria de Comunicação Social do
Tribunal Regional Federal da Primeira Região