Você está aqui: Página Inicial > Outras Notícias > 2010 > Dezembro > JFRS doa autos findos para reciclagem

JFRS doa autos findos para reciclagem

publicado 29/12/2010 16h00, última modificação 11/06/2015 17h13

Processos judiciais e administrativos acumulam toneladas de papel. Dependendo da sua classificação no PCTT (Plano de Classificação e Tabela de Temporalidade), podem levar anos para ser eliminados. Quando o são, o problema que aparece é para onde mandar essa quantidade imensa de material.

A Resolução nº 23 do CNJ determina que a eliminação de toda essa documentação deve “seguir critérios de responsabilidade social e de preservação ambiental”. A Justiça Federal do RS seguiu à risca a resolução.

Em meados de dezembro, foram entregues à Associação dos Trabalhadores da Unidade de Triagem do Hospital Psiquiátrico São Pedro mais de 11,5 toneladas de autos findos, resultantes de mais de 17 mil agravos, 1795 processos judiciais e quase 3000 processos administrativos. Todo este peso será revertido em mais de R$ 4 mil reais para a cooperativa, que agrega também pacientes do centro psiquiátrico.

Durante quatro meses, dois arquivistas, dois servidores e um terceirizado empenharam-se nas etapas de seleção e verificação da disponibilidade de entrega dos processos.

www.jfrs.jus.br